sexta-feira, 23 de maio de 2008

Gina em: O Inferno do atendimento automático.

- Bem vindo a Brasil Telecom, tecle 2 se você é cliente ou tecle 3 se você ainda não é nosso cliente- disse a voz feminina suave e levemente sensual da gravação.
- Um... Dois... Aqui- então calmamente Gina tecla 2 pela primeira vez e aguarda até o inteligente sistema aceitar sua opção.

Enquanto aguarda, ela coloca aquele rock progressivo com 55 minutos de música, 3 solos de guitarra, 2 solos de bateria, 1 de zabumba, 5 de baixo, 3 de triângulo, 4 de chocalho e mais alguns solos de instrumentos não indentificáveis.

- Por favor selecione sua opção. - repete a voz zen.
- 2 222222222 2222222222222222222222222222222222222222.
- Por favor selecione sua opção - repete e ainda toca novamente a gravação inicial.

Gina tecla todos os números do teclado, repete infinitamente e nada, durante a saga telefônica, na música, o guitarrista já havia defenestrado solos em todas as escalas possíveis e imagináveis e seus companheiros também.

E nada. Ninguém aceitou a opção 2 da Gina após os 55 minutos de tentativas. Depois daquele momento tudo que a educada e simpática mocinha desejava era que alguma atendente lhe desse ouvidos.

- Brasil Telecom em que posso ajudar ?
- Só liguei para dizer: Vá se fodeeeeer!
- Tu.. Tu... Tu...

Ninguém atendeu ela da mesma maneira, então, a moçoila delicadamente quebra seu celular na parede e só depois do último suspiro do aparelho que ela percebe que ainda sobram mais algumas parcelas a perder de vista para pagar.

Alex Graham Bell ao dar início a tecnologia telefônica não inventou somente uma maneira de se comunicar, inventou também o stress moderno em todas suas nuances (stress do celular que não atende, stress do celular que não tem sinal, stress do celular que não funciona quando você precisa, stress da serviço telefônico que é sempre ruim, stress da conta telefônica que cobra taxas que não existem ou ainda o stress de cancelar um telefone em suas várias ligações desligadas na face), inventou o transtorno psicótico maníaco que acomete algumas pessoas quando as operadoras de telemarketing ligam as 8 da manhã para te vender aquilo que você já tem e ainda, a síndrome do pânico do atendimento automático.

Bell nesse momento dá risadas de nós pobres mortais que nós tornamos escravos do celular e daquela ligação incoveniente na hora mais inconveniente, é claro, hoje o celular é o novo canivete suiço e ninguém lembra mais que existem despertadores no mercado. 24horas por dia no ar baby.

- Olá Creusa, tudo bem ?
- Tudo bem e você Gina?
- Estou bem, está trabalhando florzinha?
- Estou...
- Onde Creusa ?
- Ahh.. bemm... eu... Sou operadora de telemarketing.
- SAI DAQUI!!! O QUE AS PESSOAS VÃO PENSAR DE MIM COM VOCÊ AO MEU LADO?? POR QUE NÃO PROCURA UM EMPREGO HONESTO E DECENTE!!! SALVE SUA ALMA CREUSAAAAAAAA!

É triste, mas Dante esqueceu de contar a nós mortais que existe um círculo no inferno somente para Operadoras de Telemarketing, lá elas cochicham, falam mal de você com o telefone no mudo e discutem maneiras sub humanas de tirar as pessoas do sério e não resolver problema algum.

E atire a primeira pedra quem nunca quis matar uma Operadora de Telemarketing ou quebrar seu telefone. Parabéns Bell você foi O Cara!






Gina serial-killer de Telechating



2 comentários:

Halina disse...

huahuahuahuhua... ta n pude me controlar...

Muuuito bom guria! a TIM n ta longe disso tbm XD

O Conde - Ivan Grycuk disse...

Olha... a TIM não tá longe, a vivo também não e a porcaria da telefonica tá "alí", juntinho. Mas pior do que a Brasil Telecom não existe!! Ô servicinho ruim! Ô atendimento ruim! Quantas vezes aqueles malditos desligaram na minha cara... afff...